top of page
  • Foto do escritorDr. Carlos Rava

Local da incisão na prótese de quadril

Uma pergunta que escuto frequentemente é sobre o local da incisão (via de acesso) nas artroplastias de quadril (prótese de quadril), os pacientes tem interesse em saber onde ficará a cicatriz após a cirurgia. A imensa maioria das cirurgias que realizei foram por via posterior. Outras vias de acesso como a lateral ou a anterior direta também são frequentemente utilizadas. A via de acesso posterior é mais utilizada entre os cirurgiões de quadril, porém a via de acesso anterior direita vem ganhando um número crescente de adeptos.



Qual a melhor via de acesso?

Esta é uma pergunta muito controversa, mas tenha certeza que a melhor é aquela que seu cirurgião tem mais experiência.

Minha formação foi com a via posterior e por isso a vasta maioria dos casos que operei foram por via posterior, porém nos últimos 5 anos venho realizando algumas artroplastias pela via de acesso anterior por apresentar algumas vantagens sobre as demais vias.


Quais as vantagens e desvantagens de cada via de acesso para artroplastia do quadril?

  • Via de acesso posterior

Muitos cirurgiões preferem este acesso por ele estar associado a menor incidência de claudicação (mancar) pós-operatória, pela maior familiaridade e pela ótima visualização do campo cirúrgico para casos mais complexos. Por outro lado esta via está associada a maior incidência de luxação da prótese. As luxações são eventos raros nas mãos de cirurgiões experientes.


  • Via de acesso lateral

Esta via está associada a menor incidência de luxação do quadril, por outro lado está associada a maior incidência de claudicação devido a maior possibilidade de lesão do mecanismo abdutor do quadril.


  • Via de acesso anterior direta

Esta é uma via de acesso com um grande apelo por seguir planos intenervosos e por não haver a necessidade de secção de nenhum músculo para a implantação dos componentes protésicos. Como consequência teremos uma velocidade de recuperação mais rápida, menos dor e maior estabilidade da prótese com baixa incidência de luxação. Além disso alterações na técnica permitem realizar esta mesma via com incisões de pele que ficam escondidas pelas roupas íntimas, resultando em melhor estética.

110 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page